segunda-feira, 26 de abril de 2010

O capitalismo - Aspectos fundamentais

Para entendermos o mundo após o final da Segunda Guerra Mundial(1945), e as transformações que ocorreram após essa período, é preciso entendermos algumas características básicas dos dois principais e opostos modelos de regimes: o capitalismo e o socialismo.
Esse texto, vai apresentar as características principais do sistema capitalista.As características do sistema socialista, abordaremos em um outro momento.

O capitalismo originou-se na Europa do século XV.Desde então, esse sistema econômico passou por diferentes etapas ou fases e constitui hoje o modo de produção predominante no mundo.
O regime(social, econômico e político)capitalista, hoje adotado pela quase totalidade dos países, apresenta as seguintes caracterísiticas gerais:

*sociedade dividida em classes - no capitalismo existem basicamente duas classes sociais: os capitalistas, que são os proprietários dos meios de produção(indústrias, banqueiros, comerciantes,proprietários rurais,acionistas de grandes corporações,etc) e os trabalhadores, que vendem sua força de trabalho aos capitalistas em troca de um salário.Essa divisão de classes gera uma desigualdade social que é inerente a esse sistema econômico, já que a acumulação de capital é possível somente por meio da exploração da força de trabalho.
Cabe lembrar que atualmente a divisão social do trabalho é mais complexa em função das novas atividades profissionais como por exemplo, o aumento do setor informal e do número de profissionais autônomos.

*Predomínio da propriedade privada - no sistema capitalista, as pessoas são livres para comparar imóveis, abrir empresas, investir em aplicações financeiras,desde que possuam capital para tanto.Como esse sistema econômico desenvolve-se por meio da exploração da força de trabalho assalariada, os rendimentos obtidos pelos trabalhadores de maneira geral não lhes permitem tornarem-se proprietários privados, de modo que os meios de produção concentram-se nas mãos de uma parcela muito pequena da população, a classe capitalista.

*economia de mercado - na economia de mercado, os preços dos bens e dos serviços são geralmente definidos pela livre concorrência, ou seja, pela competição entre as empresas por consumidores de seus produtos e serviços.A produção é dirigida ao comércio e seu preço é regulado basicamente pela lei da oferta e da procura.Assim, quando a oferta de um determinado produto é maior do que a procura, seu preço tende a baixar; quando a procura por esse produto é maior do que a oferta, seu preço tende a aumentar.Contudo, em diversas situações, corporações e grupos de empresas de um mesmo setor acabam estabelecendo acordos(fixando os preços dos produtos, regulando a oferta das mercadorias...) que infringem a idéia da livre concorrência, característica do capitalismo.

*busca de lucro e acumulação de capital - a livre concorrência entre as empresas, situação viabilizada pela economia de mercado, faz com que os empresários(capitalistas) estejam sempre buscando a maior margem de lucros possível para seus negócios. Para tanto, investem em novas tecnologias visando o aumento da produtividade de suas empresas a partir da redução dos custos de produção, bem como do valor final das mercadorias e dos serviços.

Adaptação do livro Geografia Espaço e Vivência.Atual Editora.

3 comentários:

Mateus G.,Pedro de F. e Marco A. disse...

Professora gostei muito da sua postagem do capitalismo!! beijos!!

Mateus Gomes de Moraes 8ºB

andressa sales disse...

nossa-me-ajudo-muito

André Botelho disse...

Muito boa a postagem, estou esperando sobre os aspectos do socialismo.